InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-seCalendário

Compartilhe | 
 

 O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen

Ir em baixo 
AutorMensagem
Zeus
Deus
Deus
avatar

Mensagens : 35
Data de inscrição : 17/12/2011

Ficha Meio-Sangue
Vida:
99999/99999  (99999/99999)
Energia:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal:

MensagemAssunto: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Seg 18 Jun 2012, 18:17

O Mistério de Zeus


O que Zeus estaria fazendo em um dia frio, chuvoso, com muitos raios, aproximadamente 17:20?
Provavelmente, cuidando para que a tempestade durasse para ele se divertir soltando raios...
Talvez cuidando de assuntos específicos do Olimpo.
Bom, várias opções estavam disponíveis, mas ele tinha uma coisa em especial para se preocupar.
Apesar de toda a tempestade e chuva que estava acontecendo, o acampamento estava ensolarado, o que era ótimo para os campistas exercerem suas atividades.
Os Sátiros já sabiam sobre a fúria de Zeus e o motivo, e estavam com medo do que estava por vir, então um Sátiro chamado Freedy, foi até a arena e abordou duas campistas que estavam duelando entre si, eram uma filha de Apolo e uma de Thanatos, que pareciam ser amigas, pois estavam rindo e conversando enquanto lutavam.
- Garotas – O Sátiro falou – Temos um problema.
As garotas logo viraram para o Sátiro com um olhar que dizia “Quem é você homem bode”
- Desculpa, Te conhecemos? – Perguntou Abby, a filha de Apolo.
- Não, mas preciso recorrer a alguém rápido – Ele falou parecia não ter tempo realmente pela forma como falava, então Alison a filha de Thanatos revirou os olhos.
- Certo, quer ajuda com o que? – Ela falou.
- Bom, básicamente, digamos que temos um probleminha... – Ele falou olhando para o chão – Digamos que Zeus não ficou muito feliz com isso e...
- Diga logo o que quer – Falou Alison interrompendo o Homem Bode.
- Certo vamos ao ponto, preciso que encontrem Steve Scott, Filho de Hermes, em Las Vegas – Assim que ele terminou a frase as duas se olharam.
- Aaaaa uma missão – Falou Abby super feliz.
- E em Vegaaas! – Falou Alison.
O Homem Bode revirou os olhos mas sorriu.
- Sim, preciso que encontre ele, ele está dentro do Cassino Lotos... Vocês vão ter que pegar ele tudo bem?
- Tudo – As duas responderam juntas.
- Certo peguem tudo que forem levar e me encontrem em uma hora.

Código:
 - Prazo para o primeiro Post 24 Horas;
- Deve postar tudo que levou, não tem limite, mas lembre-se que quanto mais coisas, mais peso;
- Eu sou o narrador e não vocês, lembrem disso;
- Não poderei abrir exceções em matar alguém por postar errado/mau;
- Neste post, postem o que pensaram ao serem chamadas, o que levaram, e narrem até o encontro com o Freddy (para a saída);
- Tentem colocar sempre cores para diferenciar, e detalhes, isso deixa o post mais bonito e ajuda o narrador a entender o que você está querendo dizer.
- Sem posts como “Ataquei e Matei” Como eu falei, eu narro as ações dos monstros, procurem narrar apenas as suas.
- Boa Sorte.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgpercyjackson.forumeiro.com
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Seg 18 Jun 2012, 20:05

I can be

O acampamento estava ensolarado, muito. Eu particularmente odeio quando o tempo está assim. Eu sempre gostei mais do frio. Eu só gosto um pouco do tempo com sol, pois eu posso treinar. Eu combinei de treinar com a Abby hoje, ela era uma ótima lutadora, embora eu nunca iria admitir isso na cara dela. Ela era uma garota divertida, uma das únicas que conseguiu minha confiança de verdade, a gente sempre se divertia muito juntas, ta, a gente parecia duas bêbadas, mas nós nos divertíamos. Era como se a nossa amizade fosse equilibrada, ela é a minha consciência, que diz o que é o certo e o que é o errado. E eu, fazia com que ela se soltasse um pouco, eu faço ela se arriscar, tentar coisas novas.

Peguei a espada sorrindo, nós iriamos ter um duelo amigável. Nós duas nunca fomos muito boas com espadas e combinamos de aprender a manusear perfeitamente juntas. Eu era um pouco atrapalhada com isso, mas logo iria pegar o jeito. É claro que mesmo que eu conseguisse ser uma boa lutadora com a espada, ainda preferiria a foice. Sorri sarcasticamente para a Abby e disse soltando um risinho abafado -Pronta para perder?- Ficamos lutando por um tempo, ela ganhou a primeira rodada, ela aprendeu rapidamente a manusear a espada. Eu ia abrir a boca para fazer algum comentário falando que ela deu sorte ou que eu estava distraída, mas escuto passos pesados vindo correndo na nossa direção. Como reflexo, viro com a espada apontada para o ser, mas quando percebo, era um sátiro. Ele fala que tem um problema, quer dizer, que nós temos um problema. Eu o lanço um olhar de desprezo, eu nem o conhecia, eu ia falar algo, perguntar para a Abby se ela o conhece, mas ela se antecipa e pergunta quem era o sátiro. Pelo jeito, ela também não o conhecia. Ele responde dizendo que precisa recorrer a alguém rápido. Ele estava falando rápido, mal dava para entender. Eu revirei os olhos, os sátiros estavam ficando cada vez mais inúteis. Eu disse sem ter medo de mostrar o meu tom de arrogância -Certo, quer ajuda com o que?-. Odiava quando as pessoas não iam direto ao ponto, ele começou a falar que o Zeus estava irritado ''Ah, que novidade'', pensei. Mas o bode estava novamente enrolando, então eu disse, o interrompendo, em um tom um pouco zangado -Diga logo o que quer- Me segurei para não falar ''bode inútil''. O sátiro disse que teríamos que encontrar o filho de Hermes, como ele estava falando rápido, eu não entendi muito bem o nome do garoto, então torci para que a Abby tivesse escutado. Mas a coisa que eu prestei mais atenção era que a missão ia ser em Vegas, VEGAS. Aquela cidade era perfeita e eu bem que queria fazer umas comprinhas mesmo. Olhei para a Abby sorrindo maliciosamente depois viramos para o sátiro e eu disse ainda com o sorriso no rosto para complementar a frase dela - E em Vegaaas! – eu soltei um risinho abafado. Logo o bode perguntou se estava tudo bem e nós duas respondemos ao mesmo tempo -Tudo- . Com certeza estava tudo mais do que bem.

Eu ia ter que pegar as coisas para ir para a missão, olhei para a Abby e disse - Nos encontramos em uma hora? - Ela concordou e eu fui logo para o meu chalé. Peguei as coisas mais importantes, bom, as mais importantes para mim. Coloquei o meu colar de caveira que se transformava em foice, ah, como eu amava aquele colar. Peguei a pulseira de Íris e coloquei no meu pulso, depois peguei uma bolsa e dentro dela coloquei o peitoral de couro, tudo bem que ele era de suma importância, mas era realmente feio. Junto com o peitoral, eu também coloquei na mochila alguns dracmas e meu Ipod. Coloquei a adaga de ferro no meu cinto e eu estava pronta para ir. E bem na hora. Coloquei a bolsa no meu ombro e fui andando até a entrada do acampamento, aonde me encontraria com o bode que anda com duas patas e com a Abby. Cheguei primeiro que a Abby, lá só estava o bode. Sorri para ele e fiquei esperando a garota.


Your Cocaine
template by: thepiscina from @ TdN
Voltar ao Topo Ir em baixo
Spencer J. Lancaster
Filho de Hades
Filho de Hades
avatar

Mensagens : 16
Data de inscrição : 18/06/2012

Ficha Meio-Sangue
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Ter 19 Jun 2012, 10:25

This was never the way
I planned...
...not my intension.


O dia estava perfeitamente perfeito. O Sol quente da tarde brilhava sobre nossas cabeças, o que me faz me sentir confortável. Sempre curtir ficar exposta ao sol. Embora minha pele fosse perfeitamente branca... Estava na arena, segurando uma espada - que não sei manusear corretamente, mas seria divertido aprender coisas novas, e ter uma arma além de meu arco - junto de Alison McQueen, uma menina arrogante, que eu amo demais. A loira é filha de Thanatos, e pelo incrível que pareça, nós nos damos super bem. Eu e a Alison havíamos combinado de ir para a Arena cedo, para aprendermos a manusear uma espada. Já que ambas não sabiam nem como segurar uma direito...
Depois de longas horas treinando, conversando e rindo, eu estava prestes a chamar Alison para à praia, mas um bode sátiro chegou no mesmo instante, avisando-nos de um problema. Arqueei a sobrancelha – Desculpa, te conhecemos? – Perguntei enquanto mexia na espada. Então ele falou o obvio, que não o conhecemos, e foi começando a falar sobre o problema. Ele falava meio muito enrolado, pude notar que Alison também estava se irritando com isso. Ia falar algo, mais ela já estava na metade de frase. Então o sátiro fala que teríamos de achar um filho perdido de Hermes em vegas;;, fique super feliz, seria minha primeira missão, e seria com Alison... – Aaaaa uma missão! – Falei toda contente, estava soltando fogos de artifícios. Para completar a frase, Alison lembrou que seria em Vegas, seria a melhor missão de todas.
Novamente o bode sátiro nos lembrou da missão, e do que teríamos que fazer. Pelo que eu entendi, teríamos que ir no cassino Lotos, encontrar o garoto, pegar ele e voltar para o acampamento... Seria mole, estava até imaginando. Então combinamos de nos encontrar em uma hora para dar inicio a missão.
Liguei meu Ipod que estava no meu bolso e saltitando de felicidade fui para meu chalé. Peguei nada mais, nada menos que as coisas mais importantes. Minhas armas (A adaga e meu arco solar) meu Ipod e minhas Dracmas. Achei um pouco de dinheiro mortal no fundo de uma bolsa velha, que eu nem usava mais. Então peguei e coloquei no bolso do meu Jeans, onde estava meu Ipod e sai do Chalé.
Fui caminhando apressadamente até o lugar marcado com o bode e com a Alison, ambos estavam me esperando, como sempre, eu atrasada.... Cumprimentei os dois e sorri.

tagged Alison e Freddy, o bode. • place Acampamento Meio - Sangue • wearing Blusa laranja do acampamento, calça skinny preta, all star cano alto vermelho • weather quente e ensolarado • music "Paradise" do Cold Play.


credits thepiscina (Liz Gillies) from @TdN.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Zeus
Deus
Deus
avatar

Mensagens : 35
Data de inscrição : 17/12/2011

Ficha Meio-Sangue
Vida:
99999/99999  (99999/99999)
Energia:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal:

MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Ter 19 Jun 2012, 13:39

As meninas chegaram ao local, O Sátiro se despediu das meninas e as deixou com Argos.
- Certo Argos, pode levá-las ao Aeroporto mais próximo – Ele falou olhando em volta, então abriu a porta para as duas.
As meninas entraram e então eles foram para o aeroporto, o caminho durou quase uma hora, mas elas chegaram ansiosas para a viagem.
Assim que chegaram, uma olhou para a outra e elas se lembraram de algo, as passagens, não tinhas passagens para entrar no avião.
- E agora? O que fazemos? – Falou Abby.
- Vish... Tem quanto dinheiro? – Perguntou Alison colocando a mão no bolso, mas não tinha muita coisa.
Abby colocou a mão no bolso e tirou um papel que não sabia que estava ali, quando abriram ele, lá estavam duas passagens e um recado “Achou que eu iria esquecer? Aqui estão suas passagens, Freedy”
Cada uma pegou sua passagem e entrou no avião, logo ele começou a voar e elas fizeram uma viagem tranquila.
Ao chegar no Aeroporto de Vegas Alison olhou para Abby sorrindo.
- E então? Aonde vamos primeiro?


Código:

- Vocês tem que postar primeiramente um pouco sobre o tempo no carro, e no avião;
- Depois da viagem, vocês escolhem aonde vão e como, lembrando que o Filho de Hermes está no Cassino Lotus (Postem no máximo chegando ao cassino);
- Não façam nenhuma besteira, e cuidado com o que escreve, uma coisa escrita de forma errada (Não digo em Relação a Ortografia) Pode custar o Post;
- Boa Sorte.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgpercyjackson.forumeiro.com
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Qua 20 Jun 2012, 16:44

I can be

O bode de duas pernas chamou o Argos para levar a gente até o aeroporto mais próximo. O Argos era um, digamos, mostro com uns 100 olhos, alguns ficavam fechados, descansando tranquilos. Os outros ficavam bem abertos, alguns ficavam olhando para o nada e outros ficam fixo em você, isso assustava um pouco. Nós duas nos despedimos do bode e entramos no carro. Um pouco antes de entrar eu digo para o bode em um tom amigável - Tchau bod.. quer dizer- Nesse momento me dou conta que não sabia o nome dele -.. Sátiro- Entro no carro sem ver a reação dele, mas quando já estou sentada, olho pela janela, ele estava indo para adentro do acampamento, graças aos Deuses ele não escutou. A viajem do carro foi bem tranquila, eu conversei um pouco com a Abby sobre Las Vegas, a Abby me contou que a mãe dela trabalhava em um emprego um pouco vulgar -Ela era stripper- em Las Vegas. Eu não aguentava, começava a rir cada vez que ela me contava. Depois de tantas risadas e conversa paralela, chegamos ao aeroporto. Eu agradeci ao Argos, eu senti pena dele, ter que aguentar a gente durante a viajem toda, mas devo admitir que as vezes, quando olhava para ele, alguns dos seus olhos estavam fixos na gente e pudo ouvir algumas risadinhas abafadas.
O aeroporto era grande, cheio de pessoas andando para um lado e para o outro, gritando e apressadas. Lembrei de uma coisa... como íamos viajar? Não trouxemos dinheiro mortal e nem tínhamos passagem, bom pelo menos eu não trouxe nada. Nós trocamos olhares, pelo jeito ela também esqueceu. Perguntou o que fazemos, eu dei de ombros e disse mordendo o lábio- Vish... Tem quanto dinheiro?- Eu tirei o que tinha do bolso e mostrei para ela, alguns dracmas, isso não ia ajudar agora, aposto que os mortais não aceitariam isso. A Abby tirou alguma coisa do bolso, eu estava esperando ver algumas moedas ou uma nota do dinheiro mortal, mas ao invés disso vejo um bilhete com duas passagens, eu me surpreendo ao ver isso. Logo depois que a Abby passa os olhos pelo papel, eu o tiro da mão dela e vejo que o bode -que descobri se chamar Freddy- tinha se lembrado da passagem, eu sorri para a Abby e disse -Vamos, esta quase na hora- Passamos por vários lugares antes de chegar ao avião, o que eu e a Abby tivemos mais dificuldade foi com o detector de metais. Quando estávamos na fila para passar nele, olhei preocupada para a Abby e disse -Como a gente vai passar com todas essas armas? - Ela tirou a mochila das costas, jogou para mim e disse sorrindo maliciosamente que tinha uma ideia. Ela pediu para que, quando ninguém estivesse olhando, eu jogasse as armas para o outro lado do detector, nem questionei, ela parecia saber o que estava fazendo. Chegou a nossa hora de ir e a Abby passou pela faixa que formava a fila, não sei o que ela fez, mas conseguiu fazer com que todos os seguranças fossem até ela. Percebi que esse era a minha deixa, joguei as coisas por cima do detector, acho que ninguém percebeu, somente um garotinho que parecia ter uns 3 anos, mas ele não fez nada, só ficou um pouco assustado. Depois que a Abby volta para a fila, passamos pelo detector de metais normalmente. Chegamos ao outro lado, pegamos nossas coisas e fomos para o aviao, a viajem foi muito tranquila, eu fiquei escutando musica e quando olhei para a Abby, percebi que ela fazia o mesmo, chegamos a Las Vegas, a grande e perfeita cidade.
A Abby perguntou para mim o que iriamos fazer agora, dei de ombros e disse -Bom, sabemos que ele esta no cassino, é só a gente descobrir qual o cassino mais movimentado daqui, porque se de alguma forma ele prende as pessoa lá, então elas não vão embora nunca. - A Abby se surpreendeu pelo o fato de eu estar sendo, pelo menos um pouco, inteligente. Eu devo admitir que até eu fiquei surpresa com o que eu disse. Ela perguntou como a gente saberia o cassino mais movimentado, eu apenas sorri e disse -Me siga- Ela me seguiu até uma mesa cheia de folhetos, eu procurei nessa mesa algum folheto com o nome ''Cassino'' estampado na capa. Pelo jeito a Abby percebeu o que eu queria fazer, pois também estava procurando, ela achou e me chamou para ver. O folheto era vermelho com ''Cassino'' estampado em amarelo na capa. Abrimos ele e começamos a procurar o melhor cassino, achamos um, o Cassino Lotus. Vimos a localização dele, agora só tinha um problema, como chegar lá? A Abby olhou para mim na esperança que eu tivesse mais alguma ideia brilhante e surpreendentemente eu tinha. Fomos até o estacionamento do aeroporto, mais precisamente, na parte mais deserta. Peguei uma pedra, a Abby arregalou os olhos e perguntou o que eu estava fazendo. Eu sorri e disse -Apenas observe- Taquei a pedra na janela de um conversível vermelho, que se despedaçou em vários pedaços, a Abby começou a reclamar, mas eu nem dei ouvidos, entramos as duas no carro, a Abby depois de reclamar um tempo, percebeu que isso era o certo a fazer. Eu me sai do carro e fui até o capo dele, abri e peguei dos fios, não sabia muito bem o que estava fazendo, mas era uma tentativa. Vi a Abby movendo os lábios dentro do carro, ela estava reclamando mais uma vez, peguei a adaga e cortei os dois fios, eu estava tentando fazer uma ligação direta. Depois de uns cinco minutos, eu consigo, escuto o barulho do motor e entro no carro depressa. Vejo a Abby lançando um olhar de censura para mim, mas simplesmente ignoro. Vou dirigindo até o ''Cassino Lotus'', o ruim foi que tive que ouvir a Abby reclamando no meu ouvido a hora toda, mas eu apenas ligava o som no máximo e ignorava. Chegamos até o cassino, nós duas descemos do carro e vamos até a entrada dele, bom, era hora de descobrir se estávamos no lugar certo.



Your Cocaine
template by: thepiscina from @ TdN
Voltar ao Topo Ir em baixo
Spencer J. Lancaster
Filho de Hades
Filho de Hades
avatar

Mensagens : 16
Data de inscrição : 18/06/2012

Ficha Meio-Sangue
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Qua 20 Jun 2012, 17:56

This was never the way
I planned...
...not my intension.


O Freedy havia chamado o Argus para nos levar até o aeroporto... Aquele cara - Argus - me assustava, e muito. Ele tem muito mais olhos do que uma pessoa normal precisaria... Ele tinha por todo corpo, até nas mãos, e isso me deu grandes motivos para não apertar sua mão... Dei um abraço no Freedy - Sátiros eram meigos, e eu sempre adorei eles - e entrei no carro. O banco de couro beje era super confortável, embora estivesse bem quente por culpa do sol. A viajem foi super legal, eu e a Alison não calamos a boca nem um minuto, falamos de tudo mesmo.. Até do emprego de minha mãe, o que não deixou eu e ela parar de rir. Mas era tudo verdade, infelizmente, num desses bares de stripper que minha mãe trabalhava, eu até tinha sido convida para trabalhar junto de minha mãe. O que me deixou com muita raiva.. Foi na última ferias que eu passei com ela. Fiquei enojada de ter que voltar a um lugar como aquele... Mas enfim. Fiquei feliz em ver Alison rindo de minhas tristes histórias. Beleza, até eu ri, mas qual é, é estranho saber que sou filha daquela mulher, eu que sou toda ajuizada - mentira - . Chegamos num péssimo horário no aeroporto. Ele estava lotado. Havia crianças chorando e gritando. Adultos correndo de um lado para o outro e adolescentes ouvindo musicas e cantando alto.. Segurei Alison no braço e disse - Hey, o que fazemos agora? - Fiquei esperando a resposta dela, e ela me perguntou se eu tinha algum dinheiro. Vi ela enfiando a mão no bolso e tirando uma quantidade péssima de moedas... Então fiz o mesmo, enfiei a mão em todos meus bolsos... Vi as passagens que Freedy havia nos deixado, graça aos deuses ele lembrou disso Tenho algumas notas que ganhei em meus trabalhos noturnos - Ri -Mas acho que Freedy nos deixou uma lembranças.. - Mostrei as passagens a ela, que saiu puxando da minha mão e sorriu. Ela alertou sobre a hora, então fomos correndo, passamos por vários lugares, e por pessoas estranhas. Tinha até um cara fazendo uma espécie de macumba..Dei de ombros, afinal cada louco tem sua mania...
Paramos diante do detector de metais, e antes que eu pudesse falar qualquer coisa, Alison me pergunta como iriamos passar por ali cheias de armas.. Sorri maliciosamente e tirei a bolsa das costas... - Você dá um jeito de jogar as coisas para o outro lado, quando ninguém estiver vendo, entendeu?! - Antes de ela responder eu já estava longe. Assobiei para os guardas, que rapidamente olharam para mim sorrindo. Pela primeira vez na minha vida, eu fiquei contente de ter ido ao trabalho e por ela ser uma Stripper...

Lentamente ergui minha blusa e dei uma piscadinha para o guarda mais jovem - e mais gostoso - que estava próximo de mim. Me aproximei lentamente dele, lançando um olhar seduzente e terminando de tirar minha blusa. Quando de repente vejo que Alison havia conseguido passar as armas, já que a mesma estava fazendo um sinal positivo. - Beleza rapazes, não tem mais nada para se ver aqui, vão indo, vão... - Sorri e dei meu numero para o guarda gostoso que havia me seduzido e fui em direção a Alison, colocando a camiseta. Meu cabelo estava bagunçado, mas nem dei bola. Passamos novamente pelo detector de metais, e para meu alivio não tocou.. Nem por causa de meu detalhe da calça.
Chegamos ao outro lado, pegamos nossas coisas e fomos para o avião. Estava ouvindo musicas alegres. Estava até dançando no banco. Eu havia pegado o melhor lugar - o da janela -. Fiquei observando as paisagens do lado de fora e sorri.
Ao chegarmos a Las Vegas, senti aquele arrepio de sempre. Era a mesma sensação toda vez que ia lá. Mesmo que não fosse para visitar minha mãe...
Beleza, o que fazer agora? - Perguntei enquanto guardava os fones de ouvido dentro da bolsa. Ouvi atentamente o plano dela, e francamente me surpreendi, mas dei de ombros e a segui até uma mesa de folhetos. Vi uns fofinhos que me chamavam atenção, mas ela me lançou um olhar de censura. Fiquei magoada e larguei os folhetos. Eram tantos e tínhamos pouco tempo. Então vi um vermelho que dizia ''Cassino'' em amarelo. Entreguei para Alison que começou a folhear-lo. Logo após achar um interessante, fomos para um estacionamento vazio e fiquei ''apenas observando'' o que Alison fazia. Sim, íamos roubar um carro. Fiquei reclamando um pouco, então ela conseguiu fazer ligação direta, e fomos para o cassino.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Zeus
Deus
Deus
avatar

Mensagens : 35
Data de inscrição : 17/12/2011

Ficha Meio-Sangue
Vida:
99999/99999  (99999/99999)
Energia:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal:

MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Sab 23 Jun 2012, 19:04

As duas já tinham conseguido chegar no Cassino, agora a missão iria realmente começar.
Abby saiu do carro roubado ainda se queixando um pouco, mas Alison ignorava e revirava os olhos, nem mesmo olhou para Abby, mas Abby logo parou de falar ao ver todas as luzes.
Os olhos de ambas as garotas brilhavam ao ver as luzes, mas Alison logo se recompôs.
- Vamos lá amiga, vamos achar o tal filho de Hermes – Ela falou um pouco brava – Ou deixar ele esperar e aproveitar um pouco – Ela falou quase rindo, então as duas andaram em direção ao cassino.
Realmente as duas tinham muitas opções de jogos e festas lá, afinal isso era obvio... Mas o que elas não perceberam era que alguém estava as vigiando de longe, desde que saíram do carro.
As duas estavam andando por lá procurando o filho de Hermes... Ou somente olhando as opções e pensando o que elas iriam jogar primeiro, mas então Abby precisou ir ao banheiro, e as duas foram juntas.
Após usar o banheiro, elas foram lavar as mãos, e quando chegaram na pia perceberam uma mensagem de Íris, vinda de Freedy, ele não parecia estar no acampamento, e sim em um banheiro mas ambas ignoraram.
- Sabia que estamos no banheiro seu bo... Freedy! – Gritou Alison.
- Desculpe meninas, mas tinha que mostrar essa foto para vocês – Freedy falou pegando uma fotografia e mostrando para elas – Esse é Steve, o filho de Hermes, boa sorte para encontrar ele – Assim que ele terminou de falar as garotas escutaram um berro de um homem alguma coisa e alguns gritos do lado de fora, então elas correram para ver o que estava acontecendo.
Assim que saíram deram de cara com Steve, e uma Harpia o carregava voando, ele estava machucado, não conseguia nem se rebater, a Harpia olhou diretamente para elas.
- Semideusas, ele será meu jantar, já era – Ela falou em tom de deboche e saiu voando com o garoto.
No mesmo momento elas escutaram uma risada maligna e um homem totalmente coberto por suas roupas saindo com pressa.

Código:

- Vocês escolhem entre deixar o Homem ir e correr o risco de não encontrá-lo, ou salvar o garoto e procurar o homem.
- A Harpia foi para a direita, para um corredor com algumas portas.
- O Homem foi diretamente para a saída e continuaria andando para longe.
- De qualquer forma, vocês devem narrar até o encontro com o escolhido e não devem ser feitos ataques ainda.
- A Harpia tem 250/250 HP e o Homem é Indefinido.]


Harpia 250/250 HP
Homem HP Indefinido.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgpercyjackson.forumeiro.com
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Dom 24 Jun 2012, 18:49

I can be

O Cassino era um lugar gigante e realmente, muito, brilhante. Saimos de manha do acampamento, mas por causa da viajem e tudo mais, já estava um pouco escuro. Como eu estava acostumada com o escuro, receber aquela luz nos olhos foi realmente insuportável. Levei as minhas mãos aos olhos para tentar tampar um pouco da luz. Depois de um tempo, decido ir tirando aos poucos. Quando eu tirei a mão por completo, nem doeu tanto. Quando finalmente sai do meu pequeno estado de choque, pego o braço da Abby e a puxo para dentro comigo dizendo -Vamos lá Abby, vamos achar o tal filho de Hermes- Disse um pouco brava, isso estava tomando o meu tempo que eu poderia estar dormindo ou treinando com a Abby. -Ooooou deixar ele esperar e aproveitar um pouco- Disse soltando um risinho abafado, mas ela logo me lançou um olhar de censura. Revirei os olhos e ela me puxou para mais adentro do cassino. Dentro dele havia muitas pessoas, elas pareciam um pouco hipnotizadas pelos jogos, aquilo me dava calafrios. Começamos a procurar o ''Steve'' em todo lugar, eu sai gritando por todos os lados, cada vez mais alto, mas a Abby disse que ele não era um cachorro e que desse jeito, eu poderia atrair pessoas ou coisas indesejáveis para a gente. Me lembrei disso, a qualquer momento a gente poderia ser atacada e eu não tinha nenhuma forma de defesa. Voltei a procurar o Steve, quanto mais rápidos sairmos de lá, melhor. A Abby me cutucou e disse que queria ir ao banheiro. Revirei os olhos, mas o que eu podia fazer? A gente esta nessa missão juntas. Fui até o banheiro com ela. O banheiro do Cassino, por mais que não parecesse, era limpo e arrumado. A Abby foi para frente do espelho e começou a arrumar o cabelo, eu fiz o mesmo. Passei o meu cabelo por cima do ombro, eu fiquei arrumando ele durante um tempo, mas quando percebo, a imagem no espelho estava mudando. A minha imagem estava se transformando em um homem, eu dou um salto para trás, isso estava muito estranho. Quando a imagem começa a tomar forma, eu percebo que era o bode que nos ajudou a chegar em Las Vegas. Eu fico surpresa, por que ele estava no banheiro FEMININO? Bom, ele deve estar querendo falar muito com a gente ou ele era um safado. Eu fico furiosa e vou logo gritando -Sabia que estamos no banheiro feminino seu bo.... -Sim, eu ia chama-lo de bode, mas não queria causar confusão. Forcei meu cérebro a se lembrar do nome dele, então logo completo a frase -Freedy!-Ele diz que era urgente, eu reviro os olhos. TUDO para os Sátiros é urgente. Ele mostra a foto do Steve, o filho do Hermes. Ta, isso era bem útil, mas não chega a ser urgente. Escutamos um barulho lá no Cassino, eu e a Abby nos entreolhamos, alguma coisa tinha que estar acontecendo. Saímos depressa do banheiro para ir ver o que estava causando essa gritaria toda, antes de ir, eu dou uma ultima olhada no espelho, o Freedy havia desaparecido. Me junto a Abby que estava na porta do banheiro olhando para o Cassino de boca aberta, eu olho para ela e logo olho para a direção em que os olhos dela estavam observando. Havia uma Harpia segurando um homem no meio do Cassino. Eu arregalei os olhos, olhei bem para aquele homem, ele era o.... Steve!
Olhei para a Abby, ela estava tao surpresa quando eu. A Harpia foi para um corredor. Depois, para piorar ainda a situação, um homem começou a rir, mas não era uma risada normal, era uma risada maligna. E depois saiu andando com pressa para fora do Cassino, eu olhei para a Abby, o que íamos fazer? Ela estava com a cara de quem estava pensando, eu amo quando ela faz essa cara. Ela sorriu para mim e disse que ela ia atrás do homem que tinha a risada maligna e eu atrás da Harpia. Eu arregalei os olhos, não que isso fosse problema, mas e se eu fracassasse? O Steve estaria morto. Eu sorri um pouco nervosa e disse- Por que você não vai atrás da Harpia? Sabe, você tem uma mira melhor. Ela revirou os olhos,mas concordou comigo. Sai correndo em direção ao homem, ele havia saído do Cassino, fui atrás dele correndo, segurei no meu colar, logicamente eu precisarei dele, eu estava com medo que tudo fosse dar errado.



Your Cocaine
template by: thepiscina from @ TdN
Voltar ao Topo Ir em baixo
Spencer J. Lancaster
Filho de Hades
Filho de Hades
avatar

Mensagens : 16
Data de inscrição : 18/06/2012

Ficha Meio-Sangue
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Seg 25 Jun 2012, 10:15

This was never the way
I planned...
...not my intension.



Assim que cheguei ao cassino fiquei boquiaberta. Era um lugar realmente grande, eu me perderia facilmente naquele lugar, por isso mesmo não tinha planos de me separar de Alison. Eu ainda reclamava pelo que Alison havia feito, eu adorava quebrar regras e tudo mais, mas roubar um carro já era apelo. Finalmente calei a boca ao ver aquelas milhares de luzes. Meu olhos brilharam. Queria sair correndo, pulando e jogar em todos os jogos do cassino. Mas logo me lembrei do que vim fazer aqui: Resgatar o filho de Hermes. Mas o problema é, não sei como ele é... Isso pode ser um problema. Provavelmente teremos que sair perguntando para todos para ver se alguém é ou conhece um semideus chamado Steve sei lá do que. Senti Alison pegando em meu braço e me puxando para dentro do cassino. Bati na mão dela para que a mesma me soltasse e falasse logo o que queria. Nós tínhamos duas opções: Deixa o Garoto esperando um pouco e jogar, ou ir logo de cara salvar ele. Dei um risinho malicioso e disse - Bom, ele esperou todo esse tempo, ele sobrevive se esperar mais algumas horas, ou dias... - Rimos juntas com minha resposta. Era realmente uma boa ideia. Puxei ela para entramos mais no cassino. Logo mudei de ideia, não queria farrear, tínhamos uma missão a cumprir, e eu realmente desejava minha cama. Então quanto mais rápido acharmos ele, mais rápido terei um encontro divino com minha cama. O Cassino estava lotado de pessoas estranhas, super ligadas nos jogos. Elas pareciam uns zombies, muito medonho isso.
Logo demos inicio a nossa busca do semideus perdido. Alison parecia uma retardada gritando. - Alison! Estamos procurando por um semideus chamodo Steve, não por um cachorro. Então para, beleza? E assim você pode atrair pessoas e/ou coisas indesejáveis... - Falei num tom severo. Estava cada vez mais preocupada. Esse menino sumiu do nada, veio parar aqui e tinha 100% de chances de sermos atacadas a qualquer momento. Alison também parecia querer acabar com essa missão logo. Olhei em volta e cutuquei ela - Podemos ir no banheiro? Juro que será coisa rápida... - Perguntei. Como sempre ela revirou os olhos mas logo assentiu. Andamos em direção a placa que se lia '' Banheiro Feminino'', ou algo do tipo, não consegui ler direito. Maldita dislexia...
Entramos no banheiro, e para minha surpresa ele era bem limpo, quase dava para ver meu reflexo no chão.. Parei em frente do espelho e peguei em minha bolsa uma escova azul e comecei arrumar meu cabelo. Vi Alison fazendo o mesmo, mas logo noto sua expressão mudando. Fui para atrás dela ver o que acontecia. Fiquei assustada, a imagem do espelho mudava para um ... Homem? Logo a imagem vai tomando sua verdadeira forma. Um Bode. Alison irritada quase lançou um '' ... Seu Bode''. Pude perceber isso, mas logo ela se corrigiu e o chamou pelo nome dele. Sorri para ele e murmurei um Oi alegre. Mas Alison me lançou um olhar feio, e logo calei a boca. Então o sátiro fala que era super urgente o que tinha para mostrar, e nos mostra o Steve. Ou pelo menos a foto dele. Isso ajudou em meu problema de '' Nem mesmo sabemos como ele é..''.
Lá fora do banheiro, ouvia-se gritos estéricos e medrosos. Olhei para Alison, e juntas saímos do banheiro.
Havia pessoas correndo para todos os lados, gritando como se fosse a última coisa que iria fazer em sua vida... Mas talvez fosse mesmo.
Havia uma Harpia, eu havia lido sobre elas um dia, em um livro velho e empoeirado que havia no meu antigo colégio. Era exatamente como descrevia nele. Ela estava segundando algo.. Um Homem? Steve? Steve! Era ele, olhei para Alison com um olhar de ''E agora? O que fazer?'', não falei nada, pois ela tinha o mesmo olhar que eu.
Puxei a Alison para a direção que a Harpia ia... Um corredor, mas logo parei quando ouvi a risada de um Homem.. Uma risada do mal, agora mesmo que eu não sabia o que fazer. Teríamos que fazer o que eu temia... Teríamos que nos separar. Alison manda eu ir atrás da Harpia, pois eu tinha uma mira melhor, mesmo que fosse melhor, eu ainda tinha chances de errar... Revirei os olhos mas concordei - Alison! Cuidado, pelo amor dos Deuses, cuidado. - Vi ela saindo correndo, então peguei meu arco e uma flecha. Fiquei esperando o momento certo par atirar...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Seg 25 Jun 2012, 12:25

Alison:

A filha da morte saiu correndo atrás do tal homem, eles saíram do cassino, e continuaram correndo por quase três minutos, até chegarem em uma rua pouco movimentada.
O Homem parou e então ela parou também a uma certa distância dele, o homem deu mais uma risada e começou a virar lentamente, ele estava com uma toca que cobria seu rosto pela parte de trás.
- Realmente... Não percebeu nada? – Le riu de novo – Realmente... Eu acho que sou a ultima pessoa que você iria desconfiar... – Ele falou com uma voz fria, porém conhecida – Mas não percebeu que eu nãoe estava no acampamento durante a mensagem de íris? – Assim que ele falou isso terminou de virar, e Alison pode ver seu rosto.
- Freedy! Seu bode inútil retardado falso! – Ela falou, ela estava com muita, muita raiva mesmo, e finalmente o chamara da forma que queria.
- Na verdade, Não sou um Bode... Muito menos inútil... – Ele falou e então suas mãos viraram garras seus olhos ficaram vermelhos e asas apareceram – O que acha de uma Fúria? Melhora a situação?
Alison estava chocada com aquilo, mas logo puxou seu colar que virou sua foice, e a Fúria começou a voar alto, então planou em direção a Alison.

Abby:

Abby conseguiu chegar até a Harpia, já que a seguiu, entrou na porta certa, a harpia logo virou sorrindo.
- Hora... Veio salvar ele? – Ela riu – Mais uma Semideusa a ser morta... – Assim que terminou a frase, soltou Steve, e ele iria cair com grande velocidade, pela altura da Harpia.
- Ops... Caiu – Ela falou e então voou até ele e o pegou de novo – Esse pode ser um bom escudo humano filha de Apolo.

Código:

- Cada uma tem que derrotar seu inimigo... Ou tentar... Lembrem-se de não narrar ações dos monstros isso é comigo.
- Abby, tente não deixar o Steve morrer... E matar a Harpia rápido, sua amiga pode precisar de ajuda.
- Boa Sorte.
Harpia 250/250 HP
Fúria 650/650 HP
Voltar ao Topo Ir em baixo
Spencer J. Lancaster
Filho de Hades
Filho de Hades
avatar

Mensagens : 16
Data de inscrição : 18/06/2012

Ficha Meio-Sangue
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Seg 25 Jun 2012, 13:36

This was never the way
I planned...
...not my intension.



Me sentia tão sozinha, sem a Alison aqui para me irritar, a missão ficava mais chata. Estava esperando o melhor momento para o ataque. Se eu soubesse que iria ter que enfrentar uma Harpia usando meu arco e minha flecha, eu não teria passado horas e horas treinando com uma espada que eu mal sei manusear. Queria muito saber como a Alison ia com o cara misterioso. Eu estava tão curiosa que queria correr até ela só para descobrir quem é ele. Mas precisava salvar o Steve... No final das contas, irá ter uma grande história a ser contada. Como eu salvei ele, como a Alison se saiu com o Cara misterioso... Estava com tantos pensamentos na cabeça que estava esquecendo do motivo de eu esta com o arco na mão. Balancei a cabeça e segui em frente. Comecei a correr mais rápido. Já estava muito mais fácil se locomover por ali, já quase não havia pessoas dentro do cassino. Vi a Harpia entrando numa sala. Sem prensar duas vezes a segui. Fiquei parada na porta, enquanto ela falava comigo... Será uma ameaça aqui? - A única que irá morrer por aqui será você, Galinha voadora! - É, eu realmente precisava usar insultos mais insultantes. Iria pensar nisso quando voltasse para o acampamento.. Se eu voltar.
Ia atirar uma flecha nela, quando a mesma soltou o Steve e disse num tom sarcástico ''Ops, caiu''. Eu estava ficando cada vez mais irritada com a Galinha voadora. Dei um passo para frente e atirei uma flecha em sua assa esquerda, logo após ela ter pego o Steve. Peguei a adaga e mirei no olho da Harpia e a lancei.
Minha intenção era cegar ela em um olho, mas a adaga teria que ir muito rápido para acertar o olho dela.
Minha mira não era assim tão boa quanto eu queria que fosse, mas realmente era melhor do que a da Alison. Ela possivelmente jogaria sua foice bumerangue e cortaria a cabeça do Steve fora. E isso acabaria com toda a missão.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Seg 25 Jun 2012, 14:42

I can be

Eu sai correndo atrás do tal homem que tinha a risada estranha. Corri durante um pequeno tempo, bom, para mim foi pequeno, pois eu já estava acostumada a correr. Eu corria com a Abby de manha e normalmente eu ganhava as corridas que nós duas fazemos. Eu estava disposta a correr o quanto for para acabar com isso logo, mas eu tinha medo que esse homem seja perigoso. Eu estava preocupada, principalmente com a Abby, como ela poderia estar lidando com a Harpia? Ela poderia errar o alvo e acertar o Steve, ou pior ainda, ela poderia acabar sendo.... morta. Vários pensamentos sobre o que poderia acontecer passam pela a minha cabeça, um pior do que o outro. O que aconteceria com a Abby? Como eu poderia sobreviver sem ela? Como eu sobreviveria? Por que o Zeus se importa tanto com o filho de Hermes? Eram todas perguntas sem respostas, bom, pelo menos até agora sem respostas.
Eu conseguia ver um pouco o homem se movendo na minha frente, eu estava chegando perto dele quando ele simplesmente para. Eu paro de correr também, mas eu fiquei em uma pequena distancia dele. Ele começou a falar e rir, toda vez que ele ria, um calafrio percorria todo o meu corpo. A voz do homem... ela era familiar, eu já ouvi ela alguma vez, forçava o meu cérebro a lembrar de onde eu a escutei, mas não fazia a mínima ideia. As coisas que ele falava, realmente faziam muito sentido, eu fui encaixando as coisas e quando percebi, só uma pessoa poderia estar atrás daquele capuz. Freedy, o bode maldito. Só havia uma coisa em saber que ele não era a pessoa boa que nós pensávamos, eu iria poder xinga-lo a vontade. Eu estava explodindo de raiva, eu não queria gastar tempo, então logo comecei a xinga-lo. Freedy! Seu bode inútil retardado falso! - Sim, enquanto estávamos no acampamento eu pensei em muitos xingamentos para ele e agora eu finalmente vou poder dizer tudo o que eu pensava. Aquele bode maldito estava mudando de forma, garras cresceram, seus olhos começaram a ficar vermelhos e grandes asas apareceram. Eu fiquei de boca aberta, ele conseguiu enganar perfeitamente eu e a Abby. Bom, eu avisei para a Abby que os bodes só servem para atrapalhar, mas isso não vem ao caso. Eu estava em estado de choque, mas tinha que fazer alguma coisa, não podia ficar lá sendo morta. Eu puxei o meu colar que se transformou em uma foice, o bode estava vindo na minha direção, eu fiquei andando de costas, tentando me afastar dele. Eu acabo tropeçando e fico de costas no chão, sinto uma dor nas minhas costas, eu devo ter machucado, mas eu tinha que ser forte, tinha que conseguir isso pela Abby. O Bode pula em cima de mim, mas eu coloco o cabo da foice entre nós. O cabo estava no meio das garras da fúria eu estava empurrando o cabo om toda a minha força, tinha que dar um jeito de sair dali, era só uma questão de tempo até eu cansar e a fúria me matar. Juntei minhas forças, respirei fundo e empurrei o cabo da foice, houve um breve intervalo aonde eu fiquei livre, girei para longe da Fúria, mas continuei segurando a minha foice. Respirei fundo e me levantei, eu estava pronta para o seu próximo ataque.


Your Cocaine
template by: thepiscina from @ TdN
Voltar ao Topo Ir em baixo
Zeus
Deus
Deus
avatar

Mensagens : 35
Data de inscrição : 17/12/2011

Ficha Meio-Sangue
Vida:
99999/99999  (99999/99999)
Energia:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal:

MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Seg 25 Jun 2012, 16:39

Abby

Abby conseguiu atingir a Harpia em sua Asa, e então deixou Steve cair no chão, só o soltou depois de um tempo então o impacto não foi tão grande, Steve colocou a mão nas costas, e tentou e levantar, mas não conseguia.
A Harpia arrancou a flecha de sua asa e olhou para Steve, ameaçando matar ele com a ponta da flecha, mas então parou.
- Mato você depois... – Então rapidamente virou e jogou a flecha em alta velocidade em Abby.


Harpia 225/250 HP


Alison

Alison estava cara a cada com uma fúria, tentou recuar porém caiu.
A fúria pulou para cima da garota que colocou sua foice na frente, a Fúria agarrou a foice tentando forçar ela contra a garota para enforcar ela, mas Alison conseguiu sair por um momento, e bateu com a foice na cabeça da fúria com o cabo da foice.[/size]

Fúria 645/650 HP
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgpercyjackson.forumeiro.com
Spencer J. Lancaster
Filho de Hades
Filho de Hades
avatar

Mensagens : 16
Data de inscrição : 18/06/2012

Ficha Meio-Sangue
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Qua 27 Jun 2012, 13:51

This was never the way
I planned...
...not my intension.



Vi a grande galinha voadora retirando minha flecha de sua asa. Logo soltando o Steve. Ela ameaçou lançar a flecha nele. Reprimi um grito, mas graças aos deuses ela não lançou nele, que estava completamente indefeso. Mas sim em mim. Sabe aquele grito que não tinha conseguido soltar? Então, ele veio atona agora. Eu fiz o que poderia ser a minha última ação da minha vida. Fechei os olhos e pulei para esquerda. A flecha passou de raspão no meu braço e eu cai. Graças aos Deuses eu ainda não esteava morta. - Sua vadia! - Falei com raiva. Atirei mais duas flechas nela, e corri para perto de Steve - Oi, sua salvadora. Ahn, você tá bem, consegue se mexer ou algo do tipo? - Antes que ele pudesse responder, me virei para a Harpia e atirei mais duas flechas nela.

_________________
~
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Qua 27 Jun 2012, 13:53

I can be

Aquele pássaro gigante estava me tirando do sério. Eu estava realmente preocupada com a Abby. Eu dei a sugestão de trocar de monstro, se alguém deveria sair morta, esse alguém seria eu. Eu estava perdendo forças, eu estava ficando cansada de lutar, cansada de resistir. Eu estava pensando em desistir, acabar com essa dor, simplesmente me entregar. Mas isso acabaria com todos que estão a minha volta. Desistindo eu prejudicaria a Abby, o Steve e -mesmo sem saber por que- o Zeus. Eu estava em pé segurando a minha foice, eu tinha que ser forte e acabar com a fúria, era tudo uma questão de tempo para que as coisas se ajeitassem.
Sorri ironicamente para ela, eu tinha que ter pensamento positivo. Ela veio na minha direção, eu pego a minha foice e bato com o cabo na cabeça dela, se eu não soubesse que ela iria acabar comigo, isso seria até engraçado. Dei alguns passos para trás, manter alguma distancia dela seria bom. Segurei a foice olhando para ela, com um pequeno sorriso no rosto esperando seu próximo movimento.


Your Cocaine
template by: thepiscina from @ TdN
Voltar ao Topo Ir em baixo
Zeus
Deus
Deus
avatar

Mensagens : 35
Data de inscrição : 17/12/2011

Ficha Meio-Sangue
Vida:
99999/99999  (99999/99999)
Energia:
99999/99999  (99999/99999)
Arsenal:

MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Qua 27 Jun 2012, 15:11

Abby:

Abby conseguiu se salvar da flecha, porém ela fez um corte que começou a sangrar em seu braço, então suas flechas não saíram com muita força, a primeira flecha Abby errou, e ela passou direto, já a segunda acertou a mão da Harpia.
Ela gritou com a flecha atravessada em sua mão então começou a voar, mesmo com a asa machucada.
Abby correu até Steve que olhou para ela e forçou um sorriso.
- Quem é você? – Ele perguntou.
- Sua Salvadora – Abby respondeu, Steve conseguiu sorrir um pouco mais - Ahn, você tá bem, consegue se mexer ou algo do tipo?
- Talvez... Posso tentar – Então Steve começou a se levantar com muita dificuldade, então olhou para o braço de Abby – Está doendo muito?
- Não muito... Vamos se levante – Ela falou o apressando, então percebeu que ele ia cair, mas o segurou e colocou o braço dele sobre o pescoço dela, então ele ficou de pé.
A Harpia estava voando e tinha acabado de arrancar a flecha de sua mão, que estava sangrando, então ela olhou com raiva para Abby.
Abby lançou mais duas flechas, uma raspou no braço da Harpia, e a outra a acertou na perna, então a Harpia começou a descer e caiu no chão, estava distraída com sua perna sangrando então não fez nenhuma ação.


Abby: 95/100 HP Harpia: 130/250 HP


Alison:

Alison conseguiu acertar a Fúria, que caiu no chão, fora uma cena engraçada, pois ela ia voando em alta velocidade e então o cabo acertou sua cabeça.
A Fúria colocou a mão na cabeça, mas logo olhou para Alison novamente com muita raiva, então levantou sua perna e deu um chute na barriga de Alison, não muito forte, mas a garota foi para trás e caiu no chão, sem soltar sua foice.
A Fúria se levantou estava pronta para se jogar em cima de Alison.


Alison: 95/100 HP Fúria: 615/650 HP
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://rpgpercyjackson.forumeiro.com
Spencer J. Lancaster
Filho de Hades
Filho de Hades
avatar

Mensagens : 16
Data de inscrição : 18/06/2012

Ficha Meio-Sangue
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Qui 28 Jun 2012, 06:00

This was never the way
I planned...
...not my intension.


Ajudei o Steve a ficar de pé, enquanto isso a Harpia estava bem distraída. Era a minha grande chance, talvez a única que eu teria. Deixei o Steve sentado em uma cadeira que estava atrás da gente e aproveitei essa chance. A Harpia estava de costas para a gente e nem dava a minima se eu pegasse o Steve e saísse correndo. Mirei em seu pescoço e Atirei uma flecha. Depois de algum tempo, resolvi atirar mais duas flechas, uma nas costas e a segunda também no pescoço. Me virei para Steve, olhando com o canto do olho para a Harpia.. - Olha, assim que eu acabar com a ela, a gente vai ter que procurar a minha amiga. Ela saiu em correndo atrás de um cara super estranho e ainda não voltou, estou super preocupada com ela. Assim que acharmos ela vamos voltar para o acampamento. Beleza? - Perguntei para ele.
Voltei meus olhares para a Harpia.



credits thepiscina (Liz Gillies) from @TdN.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Qui 28 Jun 2012, 17:01

I can be

Eu tinha que acabar logo com aquela fúria, eu estava ficando muito irritada com ela. Após eu bater com o cabo da minha foice na cabeça dela, eu tentei conter o meu riso, mas eu soltei um risinho abafado. Ela, obviamente, ficou com mais raiva do que já estava, porque percebeu que estava sendo feita de boba. O pássaro gigante com conjuntivite chutou a minha barriga, não foi muito forte, mas doeu muito. Aquela dor invadiu o meu corpo de surpresa. Cai no chão por causa dela. Eu continuei segurando a foice, eu não ia solta-la, eu não podia. Solta-la seria igual a morte e isso não pode acontecer. Vi pelo canto do olho a fúria vindo na minha direção, ela ia saltar em cima de mim. Com uma mão, protegi o meu rosto. Com a outra, coloquei em cima da minha barriga, segurando a foice com sua lamina virada para cima. Se ela pulasse em cima de mim, a lamina da minha foice iria atravessar a sua barriga. Mas como ela já estava quase pulando, talvez nem perceba e assim pularia e morreria ou se machucaria gravemente.


Your Cocaine
template by: thepiscina from @ TdN
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Sex 29 Jun 2012, 10:32

Abby olhou para Steve e estava com o arco na mão preparada para atirar se necessário.
- Olha, assim que eu acabar com a ela, a gente vai ter que procurar a minha amiga. Ela saiu em correndo atrás de um cara super estranho e ainda não voltou, estou super preocupada com ela. Assim que acharmos ela vamos voltar para o acampamento. Beleza?
Abby conseguiu acertar a flecha no pescoço da Harpia, que tentou gritar mas não conseguia, então virou pó e Abby se virou para Steve e o ajudou a levantar novamente, então os dois andaram o mais rápido possível para encontrar Alison.
Os dois demoraram aproximadamente dez minutos, mas enfim a encontraram, em uma situação não muito boa.
A Fúria estava pulando em Alison, mas quando percebeu a lâmina apontada para ela, ela planou e passou direto, mas a foice fez um corte em sua barriga.
- Esse bode inútil – Alison gritou – Essa galinha com conjuntivite é o Freedy!
Abby estava sem reação ao escutar aquilo, estava pensando por que ele faria aquilo, então a Fúria olhou para Abby e avançou, dando um tapa em seu arco, que voou longe.
A Fúria se virou para Alison novamente, ela ainda estava caída, mas estava começando a levantar, então a Fúria foi até ela e a empurrou para o chão novamente, levantando uma garra para ela.
Abby olhou em volta e viu que Steve estava com sua Espada, era de Bronze Sagrado, ela então pegou a espada e estava pronta para atacar, teria que agir rápido para salvar sua amiga.


Harpia: 0/250 HP
Fúria 545/650 HP
Voltar ao Topo Ir em baixo
Spencer J. Lancaster
Filho de Hades
Filho de Hades
avatar

Mensagens : 16
Data de inscrição : 18/06/2012

Ficha Meio-Sangue
Vida:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   Qui 11 Out 2012, 18:27

Your Love is my Drug
...not my intension.


Finalmente consegui matar a grande galinha voadora. Mas eu realmente queria um pouco mais de ação. Fui para perto de Steve, e me lembrei que ele ainda tinha dificuldade para ficar de pé. Seria uma longa caminhada até seja lá a onde Alison estava. Coloquei o braço de Steve ao redor de meu pescoço e o ajudei a ficar de pé. Andamos numa velocidade um pouco lenta, mas era o maximo que dava para fazer na situação de Steve, chegamos até o local onde a Alison estava, e vimos que ela precisava de ajuda. Deixei Steve escorado na parede, e resolvi interagir com algumas flechas, mas antes que eu pudesse fazer algo, a 'galinha com congitivite' como Alison gosta de chamar, deu um tapão em meu arco, fazendo-o voar para longe. - #@$@!! Tá com medo de morrer é? Que pena, pois logo seu fim chegará!-. Então vi que Steve me estendia sua espada, sorri para ele em agradecimento e parti para cima da filha da #@$@!.
Tentei atacar ela por trás, mas ela logo percebeu que seria esse o meu golpe e se virou. Ficando contra a Alison, dando à ela uma grande chance. Pisquei para Alison, esse era o meu plano, fazer a fúria olhar para uma de cada vez, dando a outra uma chance de atacar. Seria a coisa mais óbvia a se fazer, porém era a mais esperta. Assim que tive a chance, fui ao seu encontro. Eu não era muito boa com as espadas, mas se era minha única saída, eu aproveitaria até o fim.
Tentei um golpe na sua barriga, e levantei a espada rapidamente na altura do pescoço. Ela tentou alguns golpes, e com com sorte eu desviei de alguns. Tentei acertar seu peito, mas nessa altura, eu já nem sabia o que e aonde eu estava atacando.



credits thepiscina (Liz Gillies) from @TdN.


_________________
~
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O Mistério de Zeus - Missão para Abby Valentinne Tonkies, Alison McQueen
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Missão Resgate por Amor
» O que todos devem saber antes de abrir a boca para falar mal de Michael Jackson!!!
» Bilhete: Michael manda um bilhete para os melhores fãs do mundo no Seminário Dia dos Namorados
» [YT] Razões para acreditar. Os bons são maioria (Comercial Coca- Cola)
» Dia 25 todos os fãs unidos para relembrar MJ: Ouviremos Man in The Mirror e Heal The World! Saiba mais detalhes!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Estados Unidos :: Las Vegas-
Ir para: